Posso e Devo Registrar Marca Eu Mesmo?

Devo Registra Marca eu Mesmo

Posso e Devo Registrar Marca Eu Mesmo?

Essa é uma questão muito presente na cabeça das pessoas que tem uma Marca a ser registrada e deve ser tratada com cuidado e racionalidade.

Não há dúvidas que qualquer pessoa pode registrar sua Marca junto ao INPI, o Instituto não exige nenhuma qualificação especial ou requisito de formação para uma pessoa depositar seu pedido de registro de Marca.

Cumprido os requisitos para o registro de uma Marca e possuindo toda a documentação necessária, você não precisa ser um Agente da Propriedade Industrial, ser um Advogado, ou ter uma profissão específica para fazer o depósito de sua Marca, inclusive o INPI tem uma apostila para auxiliar nesse processo.

 

OBA!!! Então eu Posso Registrar Minha Marca

 

Calma, como disse acima, isso precisa ser tratado com cuidado e racionalidade, veja:

O primeiro passo para o registro de uma Marca é a pesquisa prévia, para que essa pesquisa lhe dê um resultado confiável você precisa entender, como o INPI faz a colidência da Marca que você pretende registrar com as já registradas.

O entendimento desse mecanismo é adquirido com estudo e principalmente com muita experiência. Vale destacar que uma pesquisa mal feita leva você a depositar um pedido de registro de Marca que será indeferido, leva você a perder dinheiro, pois já recolheu as taxas e a perder tempo.

O segundo conhecimento necessário, para que o pedido de registro de marca seja bem sucedido, é o de classificar a sua Marca dentro do ramo de atividade que você vai utilizá-la.

Vale dizer que a Marca tem a sua exclusividade de uso dentro de um ramo de atividade específico e determinado, assim, você precisa conhecer as classes existentes para poder classificar corretamente sua Marca na hora do pedido de registro, sob pena de indeferimento ou ter o deferimento da sua Marca em um ramo de atividade diverso do seu.

Outro conhecimento que se faz necessário é para apresentar oposição ou se defender de uma oposição apresentada contra seu pedido de registro, explicando melhor, todo pedido de registro de marca depositado é publicado e nesse momento terceiros podem apresentar oposição, você precisa responder a essa oposição, o que o obrigará a ter conhecimentos sólidos para argumentar contra a oposição sofrida.

De outro lado, alguém pode depositar um pedido de registro de Marca que colida com a sua Marca, você terá que apresentar oposição, fundamentada, visando o indeferimento do registro que lhe prejudica.

Além do conhecimento necessário, você terá que ter disposição para acompanhar todo esse andamento, que é publicado na Revista específica editada pelo INPI, semanalmente. Lembrando que esse acompanhamento dura, em média, dois anos, tempo aproximado do processo de registro de marcas.

Pensando de forma racional, conclui-se que é mais seguro procurar um escritório sério e especializado no tema para Registrar sua Marca, porque, apesar da ideia de que registrar uma marca é fácil e disponível a todos, na prática é uma atividade que exige uma expertise para manejar, além de tempo e organização.

Vale muito contratar um escritório especializado e sério para cuidar do Registro da sua Marca, deste modo você evita perder dinheiro, tempo e, principalmente, deixar sua Marca sem proteção durante todo o processo de registro, para ao final ganhar um indeferimento por um equívoco bobo.

*Imagem ilustrativa retirada da internet

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.